ProgramaSemente

12 06, 2019

Correio da Amazônia: Dia dos Namorados: o Amor pode se tornar tóxico?

2019-06-24T13:38:45+00:00 Semente na Mídia|

Data: 12/06/2019 Veículo: Correio da Amazônia O Dia dos Namorados é a uma forma de celebração do amor, uma emoção que conecta as pessoas e faz com que o mundo seja um ambiente melhor. No entanto, o amor pode se tornar tóxico, quando esconde, por exemplo, um sentimento de posse ou ciúme exagerado, por exemplo. Em casos mais extremos, leva a comportamentos agressivos e abusivos, por isso, é importante identificar e compreender as emoções para estabelecer e manter relacionamentos saudáveis. Um dos caminhos para desenvolver uma boa relação é o conhecimento socioemocional. Ele auxilia as pessoas a compreender o outro e a si de forma muito mais clara, permitindo que se encontrem maneiras de melhorar o convívio social. No Brasil, o Programa Semente é um dos envolvidos no ensino socioemocional e convida os jovens a fazer essa reflexão desde cedo. [...]

12 06, 2019

Quando um relacionamento pode ser considerado tóxico?

2019-06-12T10:29:02+00:00 Semente na Escola|

Segundo autor do Programa Semente, às vezes, o que distingue o remédio do veneno é a dose O Dia dos Namorados é a celebração do amor, emoção que conecta as pessoas e faz com que o mundo seja um ambiente melhor. No entanto, esse amor positivo pode se tornar tóxico. Isso corre quando ele esconde um sentimento de posse ou ciúme exagerado, por exemplo, e leva a comportamentos agressivos e abusivos. Por isso, é importante entender as nossas emoções e as dos outros para estabelecer e manter o relacionamento saudável. Por meio da aprendizagem socioemocional, o Programa Semente convida os estudantes a fazer essa reflexão. “O ensino das emoções aumenta a capacidade do indivíduo entender as necessidades do outro. Uma relação afetiva, seja amorosa ou de amizade, só funciona se um tiver a capacidade de compreender o que o outro [...]

7 06, 2019

Por que a depressão atinge mais mulheres do que homens?

2019-06-07T09:59:21+00:00 Semente na Escola|

Estudam mostram explicações que abrangem questões sociais, emocionais e biológicas A Organização Mundial da Saúde estima que aproximadamente 5% da população mundial é diagnosticada com depressão. Desse total, a maioria é do sexo feminino. As possíveis explicações para isso são abordadas no artigo “Depressão e gênero: por que as mulheres deprimem mais que os homens? ”. Segundo a autora, Maria das Graças de Oliveira, para tentar responder essa questão é necessário um panorama psicológico, social, biológico e genético das mulheres. A maior prevalência de depressão nas mulheres é considerada um dado comprovado desde o começo dos estudos de gênero, que datam dos anos 1970.  Nesse sentido, é necessário apontar hipóteses biológicas, como mudanças hormonais mais intensas, relacionadas ao período menstrual, à gravidez e até à menopausa. Tudo isso faz parte do quebra-cabeça, mas é importante também lançar luz sobre as [...]

6 06, 2019

Nova Escola: Por que me sinto ansioso e deprimido?

2019-06-06T13:46:50+00:00 Semente na Mídia|

Veículo: Nova Escola Data: 06/06/2019 Um diagnóstico revela que a saúde mental dos professores não anda bem. Saiba como prevenir esses sintomas Professores costumam enfrentar uma rotina desgastante dentro e fora da sala de aula. Além de vivenciarem diretamente a pressão do dia a dia, estarem sujeitos a longas jornadas de trabalho, receberem baixos salários e contarem com pouca parceria com seus colegas, o cenário profissional muitas vezes também não garante boas perspectivas ao oferecer poucos recursos e uma estrutura precária. Esse quadro acaba por desencadear situações estressantes que impactam diretamente a saúde desses profissionais, sendo altas as taxas de depressão e ansiedade entre professores, como indicou a pesquisa A saúde do educador brasileiro, realizada pela Nova Escola. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil lidera o índice mundial de ansiedade, com 9,3% da população que manifesta sintomas da [...]

31 05, 2019

Timidez pode prejudicar relação do jovem com o mundo

2019-05-31T16:11:42+00:00 Semente na Escola|

Programa Semente auxilia a enfrentar medos que podem causar constrangimentos Todo mundo já sentiu timidez alguma vez na vida. No entanto, algumas pessoas têm suas vidas limitadas por essa emoção. Uma pessoa tímida, na maioria das vezes, está ansiosa, com receio ou preocupação diante de uma situação desconhecida, e nutrir esse sentimento em excesso pode trazer dificuldades durante a vida. Os pais e a escola, no entanto, podem ajudar os estudantes a superar essa dificuldade. Segundo Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente, é importante que a criança entenda o que é se sentir tímido e que esse sentimento está ligado a uma emoção básica: o medo. “Em determinadas situações, isso pode ser protetor porque evita que a gente corra riscos. Mas é importante dar abertura ao novo e enfrentar os medos, principalmente por meio de um [...]

29 05, 2019

Expectativas sobre os filhos devem ser compatíveis com a realidade

2019-05-29T16:47:50+00:00 Semente na Escola|

Para manter equilíbrio na relação, pais e filhos devem manter canal de diálogo sempre aberto A expectativa sobre os filhos acompanha os pais desde o período de gestação: imagina-se como vai ser a escolha da carreira, sonha-se com sucesso profissional e afetivo, deseja-se um time de futebol preferido. Todo o caminho social e emocional da criança passa pela cabeça até mesmo dos familiares. Nutrir esses desejos pode ser bom, desde que eles estejam alinhados com a realidade. “Não existe problema em criar e demonstrar expectativas, desde que elas estejam compatíveis com as possibilidades e potencialidades do filho. Muito das frustrações nasce exatamente de uma expectativa não cumprida”, afirma Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente. Segundo Calbucci, uma expectativa não cumprida pode estar ligada à falta de esforço ou dedicação, mas também pode estar associada ao fato [...]

23 05, 2019

Programa Semente se destaca na Bett Educar 2019 com formação socioemocional EaD para educadores

2019-05-23T12:34:12+00:00 Semente na Escola|

Profissionais do Programa Semente participaram pela primeira vez da maior feira de educação da América Latina Na última semana, o Programa Semente marcou sua estreia na maior feira de educação e tecnologia da América Latina, a Bett Brasil Educar, com o lançamento de novas ferramentas de aprendizagem socioemocional. Além do material para formação de alunos, o estande do Semente possibilitou que os profissionais da área de educação presentes tivessem contato com o Coreskills, plataforma de desenvolvimento socioemocional EaD voltada para educadores. Segundo Eduardo Cabucci, professor e um dos fundadores do Programa Semente, a participação foi importante para mostrar tantas empresas alinhadas com um mesmo propósito. “A primeira impressão positiva que tivemos com essa participação na feira foi justamente o fato de haver mais programas de aprendizagem socioemocional do que há alguns anos. Isso é ótimo, pois ajuda a criar uma [...]

20 05, 2019

Pedagogo é fundamental para formar cidadãos preparados para o século XXI

2019-05-20T15:24:16+00:00 Semente na Escola|

Profissional deve estar sintonizado com os desafios de cada tempo e de cada cultura para poder impactar significativamente a vida de crianças e jovens O pedagogo, desde a Grécia antiga, é responsável pela formação de crianças e jovens. Ele fornece as ferramentas para a nova geração desvendar o mundo e atuar na sociedade de maneira autônoma e responsável. Se o mundo muda rapidamente, e as redes sociais trazem desafios inéditos a cada mês, ele também precisa transformar suas estratégias de desenvolvimento. Em 2010, a Unesco publicou um relatório apontando a necessidade de a formação escolar ser orientada para o “aprender a aprender”. Ficou mais evidente, desde então, que o ensino de conceitos era apenas uma pequena parte da formação necessária nos novos tempos e que, por isso, os profissionais da pedagogia teriam papel ainda mais fundamental na elaboração de projetos [...]

13 05, 2019

Formação socioemocional auxilia professores em sala de aula

2019-05-13T16:58:22+00:00 Semente na Escola|

Profissionais de educação que têm acesso ao conhecimento socioemocional conseguem melhorar desempenho dos estudantes Em uma lista de 35 países, o Brasil é a nação que menos valoriza seus professores. Segundo o último ranking, realizado pela Varkey Foundation, entidade especializada em dados educacionais, apenas 9% dos profissionais acreditam que são respeitados dentro de sala e só 20% recomendariam a profissão aos filhos. A valorização do professor é fator decisivo na melhoria da educação, segundo o economista e psicólogo mexicano Alejandro Adler, que já esteve na sede do Programa Semente, em São Paulo. Na sua tese de doutorado, apresentada na Universidade da Pensilvânia, nos EUA, ele propõe um modelo de Educação Positiva, que envolva bem-estar e habilidades socioemocionais não só para os estudantes, como também para os profissionais da educação. O programa, citado em reportagem da Nova Escola recentemente, consiste em um [...]

10 05, 2019

Amor de mãe em excesso pode ser prejudicial aos filhos?

2019-05-10T11:16:56+00:00 Semente na Escola|

Famílias não devem confundir amor maternal com superproteção Um estudo da universidade de Washington, nos EUA, afirma que o amor de mãe pode ajudar o cérebro da criança se desenvolve duas vezes mais rápido do que o de jovens desassistidos. Na pesquisa, a psiquiatra infantil Joan Luby diz que o relacionamento entre pais e filhos é essencial para que as crianças cresçam mais saudáveis e preparadas para o futuro. E quando o amor se confunde com superproteção? Isso pode prejudicar o desenvolvimento das crianças? As habilidades socioemocionais podem ajudar a responder essas questões, fazendo com que o “amor de mãe” seja sempre saudável. “É importante não confundir amor com superproteção e ter a consciência da importância de esticar a corda de vez em quando. Até porque uma hora essa corda irá se romper”, afirma Eduardo Calbucci, educador e um dos [...]