Programa Semente

4 10, 2018

Como avaliar a eficácia do ensino das emoções na escola?

2018-10-05T14:44:47+00:00 Semente na Escola|

Pesquisa nacional reuniu 9,6 mil estudantes que tiveram aulas de aprendizagem socioemocional no currículo em 2017 e registrou melhora nos níveis de empatia e tomada de decisões responsáveis O ensino das habilidades socioemocionais pode parecer um campo abstrato para alguns pais, professores e gestores de escolas. A dúvida que surge é a de como medir a eficácia da aprendizagem de competências como empatia, autoconhecimento e autocontrole em crianças e adolescentes. Uma pesquisa feita pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), encomendada pelo Programa Semente, revela resultados muito positivos. De acordo com o estudo, alunos do Ensino Fundamental II que foram submetidos aos domínios socioemocionais melhoraram 6,7% o comportamento. A análise de larga escala começou a ser feita no início de 2017 e englobou cerca de 9,6 mil alunos de todo o Brasil. Através de uma plataforma online, eles responderam [...]

27 09, 2018

Catastrofização do pensamento: como ensinar os alunos a lidar com as próprias emoções

2018-09-27T11:01:43+00:00 Semente na Escola|

A aprendizagem socioemocional ajuda estudantes a se apropriarem efetivamente de domínios que os beneficiarão pela vida toda   Uma situação comum na sala de aula é que o aluno preste atenção na explicação do professor, mas esqueça tudo o que ouviu após alguns minutos. Isso acontece por um fato simples: a informação é diferente do aprendizado. O mesmo pode acontecer quando o estudante começa a ter contato com a alfabetização socioemocional, ou o ensino das emoções. “O processo de aprendizagem parte de uma construção neural”, explica o psiquiatra, professor e um dos criadores do Programa Semente, Celso Lopes de Souza. “É preciso tempo para estruturar isso. ” Ou seja, a pessoa que conhece um domínio socioemocional não necessariamente sabe aplicá-lo na vida prática. Assim, não adianta simplesmente despejar um conjunto de regras para o estudante. É preciso preparar um terreno fértil [...]

24 09, 2018

Programa Semente irá ensinar sobre honestidade a partir de estudos de Dan Ariely

2018-09-24T11:40:35+00:00 Semente na Escola|

Renomado Professor de Psicologia e Economia Comportamental da Universidade de Duke aponta em seus estudos que pequenas trapaças fazem parte da natureza humana. Reconhecer isso é o primeiro passo para combater atos ilícitos Um dos assuntos mais discutidos no Brasil atualmente é sobre os grandes esquemas de corrupção constantemente mostrados no noticiário. O que pouco se fala é que esses esquemas começam com pequenos atos isolados de falta de honestidade. São eles que levam a uma percepção errônea de que trapacear é permitido. De acordo com Celso Lopes de Souza, psiquiatra, professor e um dos criadores do Programa Semente, todos nós trapaceamos em maior ou menor grau, já que essa é uma característica humana. “Ao mesmo tempo queremos parecer honestos e criamos desculpas para os pequenos deslizes”, afirma. É o que acontece, por exemplo, no esporte. Quando um atleta começa [...]

21 09, 2018

Na era das ‘fake news’, escola deve fornecer ferramentas para aluno desenvolver o senso crítico

2018-09-21T11:14:06+00:00 Semente na Escola|

Tomada de decisões responsáveis, um dos pilares da aprendizagem socioemocional, é uma grande aliada no processo É sabido que o computador e a internet mudaram a forma como consumimos informação. As novas gerações, sobretudo as que vivem nos grandes centros urbanos e que já nasceram inseridas no contexto digital, têm grande facilidade para trafegar pela web. A transformação chegou também às escolas: hoje, a internet pode ser usada como plataforma de auxílio da educação. Mas será que somente o acesso à informação online é capaz de gerar conhecimento? A resposta é: não. Os conteúdos e dados informativos disponíveis na internet necessitam da análise e do senso crítico humano. Daí a importância vital da escola para a formação do indivíduo. “O professor não deve disputar com o Google, mas selecionar e conduzir o aluno ao conhecimento efetivo”, explica Eduardo Calbucci, educador [...]

14 09, 2018

Setembro Amarelo: alfabetização socioemocional é ferramenta eficaz no combate ao suicídio

2018-09-14T12:49:46+00:00 Semente na Escola|

Criar um ambiente de diálogo sobre os sentimentos é fundamental para combater os números alarmantes de estudantes que tiram a própria vida  As taxas de suicídio de crianças e adolescentes têm aumentado nas últimas décadas no Brasil. De 2000 a 2015, os casos subiram 65% entre jovens de 10 a 14 anos e 45% entre os de 15 a 19 anos. O país faz parte, desde 2015, do movimento mundial Setembro Amarelo, uma campanha de conscientização sobre prevenção ao suicídio. Em tempos em que o assunto está em voga, com séries sobre o tema e casos cada vez mais frequentes em colégios brasileiros, muitos pais andam preocupados com a saúde psicológica dos filhos. Mas como, afinal, as escolas podem ajudar na questão?  Ouvir é o melhor caminho “O mais importante é não transformar o suicídio em tabu”, alerta o professor [...]

30 08, 2018

Programa Semente reúne gestores educacionais para discutir o futuro da educação e a aprendizagem socioemocional

2018-08-30T14:54:55+00:00 Semente na Escola|

Mario Ghio, Leandro Karnal e Celso Lopes de Souza conduzem o encontro “Tendências da Educação”, que reuniu mais de 200 gestores educacionais, no Novotel, em São Paulo No modelo tradicional, a escola parece se tornar cada vez menos convidativa aos estudantes. Não basta tecnologia ou recursos dos mais diferentes tipos para atraí-los e estimular o interesse pelo aprendizado. Por isso, é necessário discutir os rumos da educação do futuro, analisar e buscar soluções para os novos desafios e promover melhores relações sociais, estimulando as habilidades do século XXI. Em evento realizado dia 28 de agosto pelo Programa Semente, “Tendências da Educação 2019”, no Novotel Center Norte,  em São Paulo, Mario Ghio, um dos executivos mais influentes da Educação Básica, presidente da holding Saber, afirmou a importância de desenvolver a aprendizagem socioemocional nas escolas brasileiras, para acompanhar as tendências da educação: [...]

13 08, 2018

Como os smartphones podem ajudar os alunos na sala de aula

2018-08-13T13:42:02+00:00 Semente na Escola|

Desenvolver estratégias pedagógicas claras e saber dosar o uso dos dispositivos são os segredos para aproveitar didaticamente a tecnologia É indiscutível a mudança que os smartphones causaram no acesso à informação. As crianças e os adolescentes de hoje, que crescem em um mundo hiperconectado, têm uma familiaridade com os aparelhos que impressiona os adultos. Pouco tempo atrás, professores disputavam a atenção dos alunos com os aparelhos em um jogo de gato e rato. Agora, com os smartphones cada vez mais presentes no mundo contemporâneo, uma lei de 2017 permite que os dispositivos sejam usados em sala de aula. O desafio das escolas, no entanto, é aprender a como usá-los de maneira didática. Limites e clareza A primeira dica é levar tanto alunos quanto professores a desenvolverem o autocontrole. Pesquisas indicam que o vício em smartphones cresce em ritmo acelerado e [...]

9 08, 2018

Estimular a empatia nas crianças gera sociedade mais respeitosa

2018-08-09T11:04:32+00:00 Semente na Escola|

Educação socioemocional é o caminho para construir uma sociedade menos ofensiva; veja dicas Vivemos tempos em que a polarização ideológica faz com que a opinião do outro seja motivo de agressão. Na televisão, notícias escabrosas sobre roubos, assassinatos e crimes hediondos são tão recorrentes que parecem naturais. Na internet, a sensação de anonimato é um campo fértil para provocações e ofensas gratuitas. Tanta agressividade preocupa pais e educadores quanto à formação emocional das crianças. Como incutir valores como respeito, empatia e gentileza nos pequenos? A resposta está na educação socioemocional, que desenvolve habilidades essenciais para qualquer ser humano enfrentar a vida. Um dos pilares que estruturam a aprendizagem é a empatia, a capacidade de nos colocarmos no lugar do outro. É urgente que nossas crianças desenvolvam a empatia para que se construa uma sociedade baseada no respeito.  Desenvolvendo a empatia [...]

20 07, 2018

CLAUDIA: Saiba como identificar a ansiedade na infância

2018-07-30T11:03:12+00:00 Semente na Mídia|

Veículo: CLAUDIA 10% das crianças e adolescentes apresentam os sintomas característicos do transtorno Vivemos em uma era em que as doenças mentais estão sendo cada vez mais conhecidas e discutidas. Uma delas, uma das mais comentadas, é a ansiedade. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), 9,3% da população apresenta os sintomas da doença. Um dos grupos afetados por esse mal são as crianças. Um estudo realizado pela Faculdade de Medicina da USP revela que 10% dos pequenos são ansiosos em diversos níveis. Além disso, crianças possuem medos irracionais e se encontram em fase de constante amadurecimento, por isso são bastante suscetíveis a serem prejudicadas. Se seu filho(a) mostra-se exageradamente preocupado o tempo todo, sofre com dores de estômago, fadiga e chora intensamente sempre que você precisa sair de casa ou se distanciar dele(a), fique atenta: há algo errado! CLAUDIA conversou com Celso Lopes de Souza, psiquiatra e fundador do Programa Semente – organização que oferece materiais didáticos voltados para estudos de habilidades socioemocionais, no ensino [...]

25 06, 2018

Como a escola deve lidar com a nova configuração familiar?

2018-06-25T13:24:24+00:00 Semente na Escola|

Diferenças do núcleo familiar é uma excelente oportunidade de desenvolver a empatia em crianças e adolescentes O conceito de família na sociedade contemporânea tem mudado com muita rapidez. Além da forma tradicional, que tem o pai e a mãe no núcleo da casa, hoje as crianças podem viver com apenas com um dos pais, ter a guarda compartilhada, ser criadas pelos avós, ter dois pais ou duas mães, conviver com meio-irmãos e etc. Dada às diferentes configurações do seio familiar, é uma preocupação atual das escolas saber como agir diante da questão. Muitas instituições, por exemplo, têm abolido as comemorações de Dia das Mães e Dia dos Pais para celebrar o Dia da Família. É uma oportunidade para incluir todas as crianças, entender as mudanças da sociedade e celebrar a diversidade. Desenvolvendo a empatia Do ponto de vista dos pequenos, [...]